Conheça tudo sobre Cravos, as flores de Portugal

23 Abril 2021

Conheça tudo sobre Cravos, as flores de Portugal

Vermelhos, brancos, rosa ou amarelos, os cravos são considerados uma flor exótica que simboliza respeito, amor e paixão. Em Portugal, têm ainda um significado maior porque deram nome e simbolismo à revolução que instaurou a liberdade no país. Saiba que cravos pode encontrar no Horto do Campo Grande e os cuidados de cultivo e manutenção dos craveiros, para um jardim florido e colorido!

Na Grécia Antiga consideravam os cravos flores divinas. Com uma origem mitológica o cravo representava, por oposição à rosa – símbolo da mulher – o homem, a masculinidade, força e coragem.

Ramo de Cravos cor-de-rosa
Ramo de Cravos cor-de-rosa
Ramo de Cravos vermelhos
Ramo de Cravos vermelhos
Ramo de Cravos amarelos
Ramo de Cravos amarelos
Ramo de Cravos vermelhos

Sabia que…

 Em muitos locais é tradição a colocação de um cravo na lapela do fato do noivo e/ou padrinhos
de casamento em sinal de respeito e amor pela união?

O Cravo Vermelho foi adoptado pelo estado de Ohio em 1904 para homenagear o presidente William McKinley assassinado em 1901, dado que ele sempre levava um Cravo Vermelho
na lapela porque considera que era sua flor da sorte?

O Cravo é a segunda flor de corte mais popular depois das rosas?

Ramo de Cravos brancos
Ramo de Cravos brancos
Molho de Cravos fúcsia
Molho de Cravos fúcsia

O craveiro é uma planta herbácea perene, da classe das Cariofiláceas, a mesma família do cravo-bordado e da cravina, que atinge até 80 cm de altura, embora seja geralmente menor. Apresenta folhas verde-acinzentadas e flores com bordas irregularmente recortadas de várias cores, incluindo entre outras, o rosa, vermelho, branco e amarelo. As flores são geralmente muito aromáticas e por isso são muitas vezes utilizadas em perfumes.

Cravinas em vaso terracota
Cravinas em vaso terracota
Cravinas em vaso cinzento
Cravinas em vaso cinzento

Cultivo e cuidados de manutenção

O cravo pode ser cultivado no jardim ou em vasos, e também é cultivado em plantações para abastecer o mercado de flores de corte, sendo uma das mais populares flores do mundo, apesar de exigir um clima ameno para o cultivo. Para os entusiastas da jardinagem, para cultivar estas flores tão simbólicas vão precisar de terra rica em argila, misturada com um pouco de estrume, adubo vegetal e areia.

Saiba como cultivar

Por sementes: Há diversos tipos de cravos que se adequam a plantação por meio de sementes e outros que se disseminam pelas estacas. Por ser muito mais prático e simples, as sementes são o formato de disseminação mais comum. As sementes não devem ficar a mais do que 0,5 cm de profundidade no solo. Em temperatura amena, as sementes germinam em uma a três semanas.

Por estaquia: Use ramos macios de plantas saudáveis, cortados preferencialmente após a floração, pois ramos que florescem são mais compridos. Plante cada ramo em solo húmido, enterrando pelo menos um nó do ramo.

No Horto do campo Grande pode encontrar cravinas em vaso para cuidar e depois propagar!

Por alporquia: Curve alguns dos ramos mais compridos, enterrando sua base na terra (fixe o ramo com uma pequena rocha para mantê-lo enterrado). Corte qualquer flor que esteja nestes ramos. Após algumas semanas, verifique se a base do ramo enraizou e então separe da planta o ramo com suas novas raízes.

Por divisão: Plantas mais velhas geralmente apresentam vários ramos já enraizados. Estas plantas podem ser divididas e replantadas.

© floretflowers.com

© floretflowers.com

Condições para cultivo:

  • Iluminação: Luz solar direta por pelo menos 4 ou 5 horas diariamente.
  • Irrigação: O solo deve permanecer sempre levemente húmido, mas nunca encharcado. O excesso de humidade no solo ou no ar prejudicam o craveiro.
  • Solo: O ideal é um solo bem drenado, leve, fértil, rico em matéria orgânica e com pH entre 6,6 e 7,5, mas tolera um pH entre 6 e 8.
  • Época de floração: Em condições adequadas o cravo pode florescer durante o ano todo. Em regiões de clima temperado, normalmente floresce no fim da primavera, no verão e no início do outono.

As cores dos Cravos

As cores dos Cravos

Cada cor de cravo está associada a um sentido especial. O cravo vermelho homenageia as mães e o branco aquelas que já partiram. As diferentes cores dos cravos podem ter significados diferentes, conheça-os:

  • Cravos brancos: associados à pureza, amor e inocência de uma mãe.
  • Cravos vermelhos: significa respeito, amor e paixão. É oferecido como demonstração de admiração.
  • Cravos rosa-fúscia: Trazem lembrança da gratidão e da felicidade. Ao oferecê-lo a alguém, quer dizer que agradece e se sente feliz ao lado da pessoa.
  • Cravos amarelos: apesar de significarem rejeição e desdém, quando integrados em um arranjo de muitas cores vivas, significa alegria e vivacidade.

Esta flor, cultivada desde os tempos da Antiguidade, tem grande valor simbólico e histórico. Em Portugal, o cravo vermelho é o símbolo da Revolução dos Cravos, do dia 25 de Abril de 1974.
Celebre a História de Portugal e a liberdade, decorando as jarras lá de casa com cravos vermelhos, ou para os mais inovadores, brancos, amarelos ou rosa fúsica, que pode encontrar nas lojas físicas e online do Horto do Campo Grande.

© Erika Carlock

© Erika Carlock

© Emily March

© Emily March

© Jacquelyne Mae Photography

© Jacquelyne Mae Photography

via Pinterest

via Pinterest

Cravos vermelhos, a liberdade!

© Horto do Campo Grande, Unsplash, Pixabay, Pinterest, AdobeStock, Istockphoto